AS JOIAS DA FAMÍLIA

    Podemos definir tradição como o ato de transmitir oralmente, por meio da escrita, de imagens, histórias, lendas, ritos, costumes, valores culturais, morais, espirituais de geração em geração. Quanto carregamos do nosso passado? Estaríamos fadados a repetir ciclicamente versões atualizadas e contextualizadas de nossos anteriores? Quais foram às heranças deixadas pelos nossos? Quais itens deste espólio genuinamente nos pertencem? “As Joias da Família” sugerem uma reflexão acerca do universo familiar e suas complexas relações, tradições e idiossincrasias.

    "Acostuma-te à lama que te espera! / O Homem, que, nesta terra miserável, Mora, entre feras, sente inevitável / Necessidade de também ser fera. / Toma um fósforo. Acende teu cigarro! / O beijo, amigo, é a véspera do escarro, / A mão que afaga é a mesma que apedreja. / Se a alguém causa inda pena a tua chaga, / Apedreja essa mão vil que te afaga, / Escarra nessa boca que te beija!"

Versos Íntimos / Augusto dos Anjos 

As Joias da Família 01, 50 x 33,33cm, Daniel Codespoti, fotografia, 2020.
As Joias da Família 02, 50 x 33,33cm, Daniel Codespoti, fotografia, 2020.
As Joias da Família 03, 50 x 33,33cm, Daniel Codespoti, fotografia, 2020.